Whiplash – Resenha sobre o novo álbum do Evanescence !

Banda marcada por algumas irregularidades em sua carreira, o Evanescence parecia estar próximo do fim, tanto pelas novas mudanças em sua formação, quanto pela demora na gravação do novo trabalho. Para a alegria dos fãs, a vocalista Amy Lee manteve sua banda firme e forte, e conseguiu finalizar o tão aguardado álbum em questão, intitulado “Evanescence” (2011).

Nota: 9

O texto representa a opinião do autor e não a opinião do Whiplash! ou de seus editores.

Imagem

Relembrando as irregularidades do Evanescence, podemos citar a falta de uma sonoridade mais “solta” em seus dois primeiros álbuns, problema este que foi corrigido com maestria no seu novo disco. Para quem não entendeu, basta lembrar dos exageros pseudo-épicos e da quase total falta de “grooves”, que costumavam deixar a maioria das suas músicas com um ar muito sério, fechado… e careta!

A excelente faixa “What You Want”, que abre este novo álbum, é uma boa prova de como a banda funciona bem quando investe em algo que leve o ouvinte a balançar um pouco o traseiro… O mesmo vale para a igualmente dançante “Erase This” e para a sensacional “Never Go Back”, que soa como um Muse mais “suingado”.

As boas e velhas faixas de refrãos bem sacados continuam marcando presença, como podemos notar em “Made of Stone”, “The Change” e “The Other Side”, as quais recuperam um pouco mais da essência inicial do grupo, embora não abram mão da sua nova – e energética – pegada.

A banda acertou a mão também nas duas baladas do álbum: a arrepiante “Lost in Paradise”, que lembra alguns dos seus singles anteriores, e a bonitinha “Swimming Home”, que traz um sutil arranjo mais eletrônico e puxado para o trip hop.

Para quem curte o lado mais “dramático” do grupo, as faixas “My Heart Is Broken”, “End of the Dream” e “Oceans” são um prato cheio! O único ponto fraco do disco fica por conta de “Sick”, uma faixa pouco inspirada e até meio forçada…

No final das contas, o Evenescence conseguiu lançar um disco coerente e bem produzido, uma obra que é um passo à frente para a banda, em todos os sentidos! Pena que, em uma realidade musical que fornece apenas 15 minutos de fama para qualquer artista, a “turma” de Amy Lee já se encontra jogada no limbo do esquecimento. É uma pena…

Músicas:
1. What You Want
2. Made of Stone
3. The Change
4. My Heart Is Broken
5. The Other Side
6. Erase This
7. Lost in Paradise
8. Sick
9. End of the Dream
10. Oceans
11. Never Go Back
12. Swimming Home

Fonte: Whiplash !

Créditos: Ev Rock BR !

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s