Arkansas Online – Evanescence distante da evaporação !

Em entrevista ao site Arkansas Online, concerto no Nobel da Paz, seu marido Josh e turnê são alguns dos assuntos abordados. A banda se apresentará na cidade natal amanhã, dia 21 de janeiro, no Verizon Arena.Sobre o Concerto no Prêmio Nobel da Paz:

“Essa foi uma das coisas mais legais que já nos foi pedido para fazer”, diz Lee em uma parada da turnê em Tampa, na Flórida. “Eu projetei um vestido especial e todos os caras da banda usavam ternos e estávamos nervosos em tocar para essas três mulheres que estavam sendo homenageados. Foi uma inspiração, uma experiência incrível”.

Sobre estar de volta à cidade de Little Rock:

“Eu adoro quando tenho que voltar a Little Rock e vejo família e amigos. Lá eu posso respirar de novo.”

Sobre seu marido Josh Hartzler:

“Temos vivido em Nova York por cerca de seis anos”, diz ela. Josh foi para Arkansas Baptist College por um tempo, e é um conselheiro de saúde mental. Agora ele está envolvido com um par de organizações sem fins lucrativos para que possa passar mais tempo comigo, pois o que eu faço não é uma coisa de 9 para 5. É mais um horário de 5 para 9.”

Sobre seu aprendizado com a harpa e inspiração:

“Eu fiz isso apenas por diversão, pois é muito legal aprender um novo instrumento”, diz ela. “Foi parecido quando eu tinha aulas de piano há muito tempo atrás, eu acho. Eu acho que nunca vou ter problema em encontrar assuntos sobre o que compor, não importa o quanto esteja feliz, pois quando você olha ao redor, o mundo está quebrado, de muitas formas.”

Sobre a turnê da banda fora dos EUA, a partir de fevereiro:

“Tocamos Japão antes, mas isso é tudo, e agora estamos indo para a China, Singapura, Malásia, Filipinas, e depois para a Austrália”, diz ela. “Eu tenho tantos lugares reservados na minha cabeça também e, para mim, quero ver um pouco de todo o mundo. É tudo sobre a aventura e a sensação de ver as pessoas cantando junto todas as nossas músicas, mesmo que não falem inglês.”

Sobre as bandas de abertura dos shows do Evanescence:

“É muito divertido quando encontramos uma banda de abertura que amamos”, Lee diz referindo-se a Rival Sons, com quem excursionou no ano passado. “Isso realmente nos coloca no clima. Quando podemos ouvir outra banda, com um estilo diferente, que vão do rock ao clássico, ao metal. Eles são uma espécie de Led Zeppelin, e a outra banda de abertura, Touch Electric, é mais como o The Strokes.”

Créditos: Ev Rock BR !

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s